TAG: complete a frase

18 de agosto de 2016

Sou muito curiosa. Sofro desse mal que também tem suas vantagens. Mas eu sou curiosa demais. Se estou lendo sobre algum assunto, como política, por exemplo, e não entendi alguma parte lá vou eu abrindo abas até entender e tudo se encaixar. Essa característica minha que me fez parar na fotografia analógica, por exemplo. entender tim tim por tim tim de como uma fotografia é feita.

Não suporto gente egoísta. Só pensa nela mesma, só quer falar dela, só se importa com ela, só faz se for também do interesse dela. E por aí vai. Vamos pensar mais nos outros!

Eu nunca vi filme das princesas da Disney na infância. Meus pais nunca foram muito fãs da Disney e eu nunca fiz muita questão de ver. Até hoje nunca vi vários clássicos deles, inclusive.

Eu já briguei algumas vezes com a Darley em um dos piores anos da minha vida. Porque foi um ano inteiro de crise porque estava passando por mudanças drásticas internas as quais eu não sabia lidar. Daí eu explodi várias vezes, e algumas delas foi com a Darley. Vejam bem, eu raramente explodo, especialmente com amigos. A coisa estava feia na época mesmo.

Quando criança eu troquei de colégio uma vez, porque queria porque queria estudar de manhã, e durei um mês no colégio novo, voltei correndo para o meu antigo e lá fiquei até terminar o ensino fundamental. Até hoje quando lembro desse episódio lembro como um mês horrível na minha vida.

Nesse exato momento é dia dos pais (esse post está programado para sair depois) e não tenho e nem quero falar muito sobre isso.

Eu morro de medo de perder alguém da minha família e ter que descobrir como viver com isso.

Eu sempre gostei de música. Eu era aquela pessoa que compartilhava fone no recreio e que indicava bandinha alternativa para os amigos. Também sempre gostei de filme. Tenho inúmeras memórias em que eu e minhas irmãs gastávamos rios de dinheiro nas várias locadoras do bairro. Era ritual ir sexta alugar filme para todo o final de semana. Que saudades senti agora.

Se eu pudesse, eu iria para outra cidade, morar um tempo sozinha, só comigo mesma, mas numa casinha muito da agradável. Porque queria muito ter essa experiência e porque cada dia mais aguento menos o Rio e essa coisa de cidade grande e seu caos.

Fico feliz quando posso ficar boa parte do meu final de semana na minha cama vendo série. Sad but true.

Se pudesse voltar no tempo eu tentaria registrar melhor minha infância e minha pré-adolescência, de forma cronológica e tudo bonitinho na minha mente.

Adoro sair para comer com os amigos e com os amigos para algum lugar ao ar livre.

Quero muito viajar para, sabe que eu não sei?

Eu preciso melhorar a forma como gasto meu tempo.

Não gosto de, atualmente, da forma como eu não consego administrar tão bem o meu tempo. Eu sempre fui de viver e deixar acontecer e vai acontecendo e se encaixando e sempre achei meio exagerado quem distribui tarefa certinho em horários fixos e pré-estabelecidos. O meu máximo sempre foi "a noite tenho que estudar", mas sem um horário certo para acabar ou começar. Agora eu vejo que pode ser bom para mim mesma colocar um horário certo para começar e acabar uma ação e tentar ao máximo cumprir aquilo, se não der, aí sim, não deu e não vou sofrer por isso. Mas percebi que quando coloco horários e deixo claro como vou gastar meu tempo, meus períodos de dia, tarde e noite (especialmente a noite) rendem muito mais.

You Might Also Like

0 comentários

Instagram

Blog Archive